sexta-feira, 24 de novembro de 2017

VÍDEO: Bombardeiros Russos Tu-22M3 Atingem Terroristas Perto De Al_Qut'ah, Deir Ezzor

As Forças Aeroespaciais Russas continua a fornecer apoio aéreo a ofensiva da SAA contra o ISIS no leste da Síria.

Em 23 de novembro, os bombardeiros de longo alcance Tu-22M3 das Forças Aeroespaciais Russas realizaram um ataque aéreo em massa sobre os sites/locais dos terroristas, perto de Abu Kamal, província de Deir ez-Zor, na Síria.

Encontro Putin/Assad: Começo do Fim da Dominação Norte-Americana no Oriente Médio


Traduzido pelo coletivo da vila vudu

Não sou homem terrivelmente religioso. Mas gostaria de acreditar que haja um canto especial no Inferno reservado para os que fomentaram a Guerra na Síria.
O poder (moral) que salvou o século
Desde o início da guerra síria, na Líbia, com as armas encaminhadas através da embaixada dos EUA em Benghazi, até o encontro de ontem, entre o presidente da Rússia Vladimir Putin e o presidente da Síria Bashar al-Assad, todo esse affair será lembrado como um dos períodos mais cínicos, violentos e abusivos da história da humanidade.

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Silenciosos e não tripulados: Kalashnikov faz entregas de novos drones

Esse avião não tripulado é capaz de voar quatro horas sem interrupção e transmitir informação em forma de vídeo em condições climáticas difíceis a partir de pelo menos 30 km de distância.
Veículo aéreo não tripulado (VANT) russo ZALA 421-16E2 fabricado pelo consórcio Kalashnikov

Será que a América sobreviverá a Washington?

por Paul Craig Roberts

Em colunas recentes publicadas no meu sítio web chamei a atenção para dois desenvolvimentos dramáticos e perigosos entre as duas principais potências nucleares. 
Presstitutos.
Um foi a declaração pública do vice-comandante da Operação Comando dos militares russos numa recente conferência de segurança em Moscovo. O Ten. Gen. Viktor Poznihir, Vice-Chefe do Directório Principal de Operações das Forças Armadas Russas, declarou na Conferência Internacional de Segurança de Moscovo que o Comando de Operações do Comando Geral Russo concluiu que Washington está a preparar um primeiro ataque nuclear à Rússia.www.paulcraigroberts.org/2017/05/11/are-you-ready-to-die/ 

Na ONU, a incapacidade dos EUA de admitir a realidade

Thierry Meyssan

Enquanto os Presidentes Putin e Trump avançam na questão síria, os altos- funcionários de origem USA na ONU encetaram um braço de ferro com a Rússia. Recusando investigar um crime sobre o qual já tomaram posição a priori, provocaram não um, mas quatro vetos no Conselho de Segurança. Para Thierry Meyssan, o comportamento esquizofrénico dos Estados Unidos na cena internacional atesta, ao mesmo tempo, a divisão da Administração Trump e o declínio do imperialismo dos EUA.
JPEG - 76 kb
Retomando a postura do seu distante predecessor, Adlai Stevenson, aquando da crise dos mísseis cubanos, Nikki Haley denunciou o incidente acontecido em Khan Sheikhun por meio de terríveis fotografias. No entanto, o Mecanismo de inquérito ONU-OIAC recusou autenticar estas pretensas «provas». Observe-se o falcão Jeffrey Feltman sentado ao lado da Embaixatriz.

Decididamente poucas coisas mudaram desde o 11 de Setembro de 2001. Os Estados Unidos persistem em manipular a opinião pública internacional e os meios das Nações Unidas, por razões diferentes é claro, mas sempre com o mesmo desprezo pela verdade.

Conexão França e a desescalada saudita no Líbano, por MK Bhadrakumar

MK Bhadrakumar, Asia Times

Traduzido pelo coletivo da vila vudu

Quando o primeiro-ministro do Líbano Saad al-Hariri, com a esposa e o filho, entraram no pátio do palácio do Eliseu, num comboio de carros, no sábado, não parecia um empresário levantino bilionário, apenas entrado nos 40 anos, chegando ao exílio para viver o resto dos seus dias em perfeito luxo na Côte d’Azur.
Presidente Emmanuel Macron da França não chegaria à porta da frente para dar boas vindas a empresários, não diante da imprensa, no Eliseu. Nada disso. Hariri mantém a coroa.

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

O primeiro lançamento do míssil BrahMos-A de uma aeronave Su-30MKI na Índia[Vídeo]

Como relatado pelo Ministério da Defesa da Índia e a joint venture indo-russa BrahMos Aerospace , 22 de novembro de 2017, o primeiro lançamento de teste prático feito pela  BrahMos Aerospace do míssil supersônico BrahMos-A (agora também chamado BrahMos Air Lançado Cruise Missile - ALCM) com o Su-30MKI da Força Aérea Indiana . O vôo do lcaça foi realizado a partir do aeródromo da empresa de construção de aviões indiana Hindustan Aeronautics Limited (HAL) em Nasik. Um lançamento bem sucedido foi feito em um alvo marítimo na Baía de Bengala. O primeiro teste prático do foguete supersônico BrahMos-A com o caça Su-30MKI da Força Aérea Indiana, 22 de novembro de 2017 (c) Força Aérea Indiana
23799958_1799793833406461_5494067170912497362_o

O míssil BrahMos-A, interessou a Força Aérea da Índia em 2008, com a participação ativa da co-venture russa BrahMos Aerospace and Defense Research, ele tem um peso de lançamento de cerca de 2,5 toneladas e é uma versão light do BrahMos para navios e de mísseis baseado no solo. O foguete BrahMos-A foi projetado para destruir alvos marinhos e alvos terrestres. O alcance oficial declarado do míssil é de 290 km. 

Exército sírio começa a fase final da ofensiva no nordeste de Hama

BEIRUT, LÍBANO (1:15 PM) - O exército árabe sírio (SAA) iniciou a fase final de sua ofensiva no nordeste de Hama nesta tarde, após uma operação bem sucedida de um mês a oeste da estrada de Khanasser.


Israel observa atentamente enquanto as tropas do exército sírio apertam o cerco em Beit Jinn, perto do Golan Heights

BEIJORE, LÍBANO (10:55) - As Forças de Defesa israelenses (IDF) acompanharam atentamente os avanços recentes do exército árabe sírio (SAA) perto dos Altos Golan ocupados, uma fonte militar em Damasco disse à Al-Masdar News nesta manhã.


Exército sírio se defende de assalto da Al-Qaeda em Ma'an , Hama: vídeo

DAMASCO, SÍRIA (12:55) - Durante a noite, Hay'at Tahrir Al-Sham (HTS) tentou se infiltrar na cidade predominantemente alawita de Ma'an, entrando furtivamente nos postos avançados do exército em seus campos do leste.

No entanto, as unidades entrincheiradas do exército árabe sírio (SAA) estavam de serviço e responderam com metralhadora, neutralizando efetivamente o atentado antes de sofrer algum dano.

Vídeo: Irã Envia Ajuda Humanitária As Pessoas Deslocadas Na Cidade Síria De Al-Bukmal

A República Islâmica do Irã (IRGC) enviou na quarta-feira uma grande quantidade de ajuda de socorro aos civis da cidade de Al-Bukamal, no extremo leste do país.

Grandes comboios carregados de comida e remédios chegaram a Al-Bukamal, que foi reculperada pelas forças governamentais - com o apoio de aliados - da organização terrorista estado islâmico.

Rússia na Síria: Sucesso militar leva a boa e ativa diplomacia, por Moon of Alabama


Traduzido pelo coletivo da vila vudu

Em setembro de 2015, o 'ocidente' preparou-se para agressão militar aberta contra a Síria. O objetivo alegado seria combater o ISIS e deter o fluxo de migrantes para dentro da Europa. O objetivo real era "mudar o regime". Mas a Rússia entrou em cena e despachou sua cavalaria para salvar a Síria:
EUA, Grã-Bretanha, França e outros anunciaram que entrarão em céus sírios para "combater o terror" do Estado Islâmico.

Ascensão irresistível de MBS… e possível queda (1/2), por Uwe Parpart e Pepe Escobar

Uwe Parpart e Pepe Escobar, Asia Times

Traduzido pelo coletivo da vila vudu

Quando as limusines pretas chegaram na calada da noite do sábado, 4 de novembro e continuaram a chegar até o raiar do domingo 5 de novembro, poucos dos príncipes, ex-ministros, líderes militares, magnatas da mídia e empresários e comerciantes milionários convidados a se apresentarem no Hotel Ritz Carlton, no distrito diplomático de Riad, consideraram prudente ignorar o convite.
Entregues em mãos pela polícia saudita, os convites estavam assinados pelo príncipe herdeiro Mohammad bin Salman (MBS), presidente de um recém inventado Comitê Supremo para investigar corrupção em órgãos públicos, criado por uma série de decretos reais, poucas horas antes de começarem as prisões.

Relatório da Guerra da Síria: Exército Árabe Sírio libertou Al-Bukamal

SouthFront, in The Vineyard of the Saker

Traduzido pelo coletivo da vila vudu


O trabalho de SouthFront não seria possível sem sua ajuda. Contribua:
via PayPal: southfront@list.ru 


Dia 19 de novembro, o Exército Árabe Sírio (EAS), o Hezbollah e milícias apoiadas pelo Irã restabeleceram o controle sobre a cidade fronteiriça de al-Bukamal, depois de uma semana de combate intenso contra os terroristas do ISIS que ali estavam implantados. As Forças Aeroespaciais Russas apoiaram ativamente o avanço do Exército Árabe Sírio.